Seg - Sex 8h ~ 18h
+55 (47) 3804-1070

Blog

Aprenda mais em nosso blog

Primeiros passos – Guia de Renda Fixa

///
Comentários0
/
Categorias

Entenda o que é Renda Fixa

A maneira mais fácil para entender o investimento em Renda Fixa é imaginá-lo como um empréstimo. Ao adquirir um título, você está na verdade emprestando dinheiro ao emissor do título.

Este emissor pode ser uma empresa, o seu banco ou até mesmo o Governo. Os pagamentos são feitos em períodos definidos e a remuneração pode ser determinada no momento da aplicação ou no resgate.  A sua rentabilidade será o valor da aplicação, mais os juros que o emissor do título terá que lhe pagar pelo período em que o dinheiro ficar investido.

Os títulos são divididos em:

 

Títulos Pós Fixados:

Nos títulos pós-fixados a rentabilidade sé é conhecida na data do vencimento do titulo. O rendimento deste tipo de titulo é determinado de acordo com a variação de alguns índices, como por exemplo, a inflação.

Titulo Pré Fixados:

São os títulos que possuem a remuneração determinada no momento em que é feito o investimento. Logo, o investidor já sabe qual será  a rentabilidade do valor aplicado.

 

Vantagens e características da Renda Fixa:

  • Mesma segurança da poupança com possibilidade de maior rendimento
  • Remuneração definida no momento da aplicação ou resgate
  • Investimento de baixo risco e volatilidade praticamente nula
  • Diversificação da carteira com produtos mais conservadores
  • Pagamentos realizados em períodos definidos
  • Alguns produtos são isentos de Imposto de Renda para pessoa física

Conheça alguns investimentos de Renda Fixa:

Debêntures:

Debêntures são títulos mobiliários de crédito emitidos por empresas por meio da Bolsa de Valores com o objetivo de captar recursos no médio e longo prazo.

O debenturista tem prioridade frente aos acionistas caso haja liquidação da companhia emissora, além da possibilidade de boas taxas e variedade de benchmarks.

As debêntures também funcionam como um empréstimo feito pelo investidor para a empresa que emite o título, garantindo assim uma taxa de juros sobre o valor emprestado.

Tesouro Direto:

O Tesouro Direto é um programa do Governo Federal de compra e venda de títulos públicos para pessoas físicas.

As taxas de administração do Tesouro são baixas, assim como o valor mínimo de aplicação a partir de R$30,00.  Além disso, os títulos possuem liquidez semanal garantida pelo próprio Tesouro Nacional.

Fundos de Renda Fixa:

Os Fundos de Investimento de Renda Fixa funcionam como condomínios com o objetivo de captar recursos financeiros de um grupo de investidores, chamados de cotistas.

Não é necessário ser um especialista em mercado financeiro, pois esses recursos são administrados por uma instituição responsável por fazer as aplicações no mercado. Os fundos de Renda Fixa buscam retorno através de investimentos em títulos de renda fixa.

Excluem-se estratégias que contenham alto risco e investimentos do fundo em qualquer tipo de Renda Variável.

Fonte: Material produzido pela Ágora em parceria com a Line Invest.

 

Deixe um comentário